segunda-feira, junho 01, 2009

vulf, foi assim que fez.

eram sete e quarenta quando Madureira atingia o Perdoai as nossas... do Pai Nosso, em sua caminhada diária matinal, momento em que lhe veio um pé de vento, de baixo pra cima e VULF, leva-lhe o boné. Dizendo que não com a cabeça, tentando ser o mais natural possível, em poucos movimentos, Madureira vira-se pra trás e abaixa-se, pra pegar o boné, quando a segunda rajada o leva pra meio metro além. Pessoas começaram a olhar quando o fiadaputa lufou pela terceira e última vez, depositando o boné preto do Madureira debaixo do opala branco, no seu exato ponto central. Madureira visualizou montinhos de gente às gargalhadas, mas isso se deve à sua timidez atávica. De gatinhas, Madureira percorreu o perímetro do opalão e não, não alcançava o boné. Dominada a vontade de sair correndo com a cabeça enfiada na camisa, Madureira entra na loja de doces árabes e pediu uma vassoura. A extremada gentileza do dono da loja soou cáustica, quando Madureira volta novamente à traseira do opala, portando um gancho de fechar porta de ferro. Pego o boné, já imundo e que decididamente não valia aquela cena, despediu-se do dono da loja de doces árabes e não se lembrou mais em que parte da oração estava. Boa semana a todos.

1 Comments:

Blogger be said...

華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗夢想,
夢世界,

1:46 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home