sexta-feira, novembro 19, 2010

"Deyse, que se foda, eu vou começar AGORA".

Aqui vou poder acompanhar depois o caminho da ascensão. Porque o da queda, sinto muito, eu vou lembrar pra sempre, sem ler. Repara quem assina esse texto. Só ele pode me ajudar. E assim vai ser pra sempre. Se o madureira falhar, ele não vai procurar ajuda nos monges beneditinos, nem nos tibetanos. Ele vai procurar dentro de si, onde está, sempre, calado, só olhando, o subscritor.
Eu vou fazer essa porra e vai começar agora.
Três arquivos de word, fazendo as vezes de três folhas de papel em branco: 1. as vontades que me surgem, de largar o texto pra fazer coisas mais interessantes. 2. as dúvidas quanto ao próprio texto, medos incluídos, que vou ignorar, todos e todas, deliberadamente. 3. o texto.
Esse post será atualizado quantas vezes forem necessárias. Será o meu quarto arquivo de word, a quarta folha de papel em branco.
Mas eu vou começar essa porra. E é agora, Deyse.
***
20 páginas numa madrugada! O processo começou, olho do dia, miniatura de sol.

2 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Já te falei que Deyse, vem do inglês "day eye" e significa olho do dia, miniatura do sol? Se não fizer sentido pra vc, pergunta pro Madureira...talvez faça entido pra ele...rsrs E sumir, sumir, sumir de vez mesmo....dá pra ver que não consigo, né? Nem pra "gerar impacto"! Te adoro e agora sei que vai mesmo....rsrsr Beijos!!

6:20 PM  
Anonymous Anônimo said...

Eu tinha certeza!! Como era mesmo?? CFC + .... Eu sempre soube o que faltava....rsrsrs. Beijos e parabéns!

2:49 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home